Saude na Internet    Desde 1998

início > Saúde da família > Uso de bombinhas nas crises alérgicas

Uso de bombinhas nas crises alérgicas


As bombinhas utilizadas pelos asmáticos, são consideradas hoje o melhor meio de veicular os medicamentos usados nas crises e preventivamente.

A medicação é aplicada diretamente no aparelho respiratório, entra em ação imediatamente e produz menos efeitos colaterais.

Além do que, as bombinhas são portáteis, de fácil transporte e manuseio.

A poeira doméstica é considerada um dos mais importantes agentes provocadores de alergia no aparelho respiratório.

Sua composição é uma mistura de bactérias, lã, fungos, caspa e pele humana, saliva e pelo animal, ácaros e suas fezes.

Justifica-se por isso a limpeza e controle ambiental nos locais onde o paciente alérgico vive.

Agindo assim, conseguiremos os resultados esperados no tratamento dos asmáticos.

As pneumonias comunitárias são a principal causa de internações hospitalares e morte nos primeiros cinco anos de vida, principalmente, em crianças desnutridas.

São infecções viróticas como a gripe, bacterianas como determinadas sinusites e as doenças alérgicas exemplificadas aqui pela asma e rinite, que criam as condições locais adequadas ao desenvolvimento das pneumonias, frequentemente.

Razão pela qual, a boa alimentação e os cuidados preventivos das doenças respiratórias predisponentes, são de capital importância no combate preventivo das pneumonias comunitárias.

A asma é uma doença inflamatória crônica das vias aéreas.

Esta visão atual é fundamental na sua compreensão, de vez que, o processo inflamatório está intimamente relacionado à gravidade e exacerbações da doença.

Consequentemente, relaciona-se com o remodelamento brônquico e mal funcionamento das vias respiratórias. Daí, crescer de importância o uso dos antiinflamatórios no tratamento da asma.

Sinusite é uma doença inflamatória do tecido de revestimento dos espaços aerados nos ossos da face, também conhecidos como seios da face.

Após episódios de gripes e resfriados, bactérias podem colonizar estes seios e provocar o aparecimento de vários sintomas como dor de cabeça, febre, tosse, secreção nasal, mal estar geral.

Por vezes gotículas de pus, oriundas dos seios da face inflamados, atingem os pulmões e provocam as pneumonias que são importante causa de morte na atualidade

A rinite alérgica é uma doença comum na infância, sendo a principal causa de obstrução nasal nos consultórios de pediatras e alergistas.

Compromete a qualidade de vida, ajuda a aumentar a estatística das sinusites e otites médias, contribuindo em determinadas ocasiões para o crescimento desarmônico crânio facial.

Razão pela qual, manter a higiene das fossas nasais e tratar as alergias respiratórias é fundamental na prevenção destas complicações.

O esporte para os asmáticos é recomendável de um modo geral, considerando-se que a asma esteja controlada e o paciente assistido ambulatorialmente pelo seu médico.

Entretanto, deve-se dar preferência para os exercícios aeróbicos como a natação, futebol, ciclismo e outros.

Quando bem orientado o esporte aprimora o condicionamento físico, fortalece a musculatura torácica, melhora a função respiratória e, conseqüentemente, a qualidade de vida dos asmáticos.

Os pulmões são os principais responsáveis pela respiração no homem.

Através das trocas gasosas no sangue que passa por eles durante o fenômeno da respiração, o oxigênio é levado a todas as células do organismo.

A tosse é um dos mecanismos envolvidos na defesa do aparelho respiratório, por conseguinte, dos pulmões e da respiração celular.

Mas, quando ela surge independente e de forma renitente, deve ser considerada a possibilidade de tratá-la adequadamente.

A informação no tratamento da asma brônquica é decisiva para o controle adequado da doença.

O nível de conhecimento dos pacientes e seus familiares sobre asma, higiene ambiental preventiva e o que fazer como medidas preliminares em eventuais crises, evitariam dias de internações, aulas escolares perdidas, faltas ao trabalho, muito sofrimento e dor.

Manter um relacionamento fraterno com seu médico, é o caminho seguro para controlar este grave problema de saúde pública , a asma brônquica.
PUBLICIDADE


PUBLICIDADE

Publicado em: 18/12/2012. Última revisão: 03/06/2018
 COLABORADORES 

Dr. Marco Aurelio Paiva é Dermatologista e Alergista.
todos artigos publicados