Saude na Internet    Desde 1998

início > Saúde da mulher > Fumar reduz a fertilidade nas mulheres

Fumar reduz a fertilidade nas mulheres


Segundo cientistas da McMaster University, a fumaça do cigarro de terceiros diminui mais de 50% as chances de que um embrião implantado se desenvolva na fertilização “in vitro”, conforme a pesquisa publicada na revista Human Reproduction (Reprodução Humana).

A muito se sabe que fumar reduz a fertilidade nas mulheres.

A pesquisa, que analisou mais de 200 mulheres que se submetiam aos tratamentos de fertilização, constatou agora que os malefícios do cigarro estendem-se também as mulheres que vivem com parceiros fumantes.

Segundo o ginecologista britânico Richard Kennedy, porta-voz da Sociedade Britânica de Fertilidade, o estudo é “pequeno e seria prematuro dizer que o fumo passivo é tão prejudicial quanto fumar. Mas já foi comprovado que fumar afeta negativamente o resultado dos tratamentos de fertilização e não estou surpreso".

Se você está pensando em engravidar, é mais prudente ficar longe do cigarro e alertar seu (sua) companheiro(a) sobre os riscos que esse hábito pode trazer a saúde de vocês e do bebê.
PUBLICIDADE


PUBLICIDADE

Publicado em: 02/09/2008. Última revisão: 30/09/2018
 COLABORADORES 

Redação Saúde na Internet


Richard Kennedy é porta-voz da Sociedade Britânica de Fertilidade.
todos artigos publicados