Saude na Internet    Desde 1998

início > Saúde da família > Deprimidos para sobreviver

Deprimidos para sobreviver


Às vezes, quer seja por situações na vida pessoal ou não, somos tomados por estranhos sentimentos de tristeza e as forças que disponibilizamos para enfrentar a vida tornam-se confusas, misturando-se com um sentimento de agonia; em resposta a isso, baixamos a guarda e passamos a nos sentir ultrapassados.

Nestes momentos, reconhecemos que nosso ânimo não está bom e contamos para nossos amigos que estamos deprimidos. Estes sentimentos transformam-se em um sinal de alerta de que as coisas não andam tão bem como poderia se esperar.

Seja em um grau mais leve ou mais profundo, a depressão sempre surge com um sentimento de negatividade. Entretanto, por apenas nos deparamos com a face escura da depressão talvez não possamos notar a utilidade que esta pode ter para nossa vida.

"Analisar a depressão como uma ferramenta de defesa do organismo implica atribuirmos a ela uma função." É para esse ponto de vista que o Dr. Randolph Nesse têm dirigido seus estudo no Instituto de Pesquisa Social da Universidade de Michigan, nos Estados Unidos. Ele explica que entender como os estados depressivos são úteis para o organismo nos ajudaria a conhecer como devemos enfrentar esta condição.

Depressão para viver melhor

Para o Dr. Randolph Nesse, a falta de motivação e o pessimismo próprios dos estados menos ativos do ânimo, são interpretados como um mecanismo de defesa do organismo contra metas fora da realidade.

Assim, o comportamento depressivo nos ajudaria a poupar energia ao invés de investi-la em tarefas inúteis que, a longo prazo, só nos traria frustração.

Da mesma forma como a diarréia e a dor, os baixos estados de ânimo seriam defesas naturais do organismo frente as ameaças do ambiente. Segundo explica o especialista, esta visão sobre a depressão envolve uma idéia evolutiva do comportamento.

A partir deste posto de vista a depressão se estabelece como uma necessidade do comportamento para evitar riscos maiores. E é uma ferramenta instintiva de preservação da espécie.

Adaptar-se para sobreviver

Além de uma simples falta de motivação, normalmente a depressão manifesta-se com um pessimismo mais profundo, baixa da auto-estima e uma redução das iniciativas.

À este lado mais escuro da depressão é difícil associar efeitos positivos, dado que sem iniciativa para realizar mudanças, é difícil sairmos da depressão.

Ainda nestes casos, alguns cientistas afirmam que trata-se de uma forma de aviso de que "tomar as rédeas" da situação pode fazer com que as coisas só piorem.

Para esta corrente de pesquisa a depressão manifesta-se como uma ferramenta do organismo contra uma situação ou um conjunto de eventos. A função desta ferramenta difere segundo o ângulo a partir do qual seja observada.

* Alguns pesquisadores explicam que a depressão em adultos pode manifestar-se como um jeito de pedir ajuda aos outros. Uma espécie de desculpa para aproximar-se dos outros em busca de apoio.
* Também tem sido interpretada como uma forma de manipular ao outro para que assim, a pessoa deprimida consiga ajuda para um projeto depois que este falhou.
* Outra perspectiva fala da depressão como um modo para aproveitar melhor os recursos em tempos de crise. O organismo salva energia para os momentos em que os esforços surtirão em melhores frutos.
* Também existem cientistas que pensam na depressão como um sinônimo de um conflito hierárquico ou ainda com uma pessoa dominante.
PUBLICIDADE


PUBLICIDADE

Publicado em: 01/09/2000. Última revisão: 06/06/2018
 COLABORADORES 

Jornalista Miguel Valdívia - especial para a Saúde na Internet


Dr. Raldolph Nesse - membro do Instituto de Pesquisa Social da Universidade de Michigan, nos Estados Unidos
todos artigos publicados