Saude na Internet    Desde 1998

início > Saúde do jovem > DST - Linfogranuloma venéreo ou moléstia de Nicolas-Favre

DST - Linfogranuloma venéreo ou moléstia de Nicolas-Favre


Linfogranuloma venéreo, ou moléstia de Nicolas-Favre, é uma DST (Doença Sexualmente Transmissível) causada pela bactéria "Chlamydia trachomatis" sorotipos L1, L2 e L3.

É habitualmente adquirida por sexo vaginal, de 30 à 60 dias após o contato sexual com pessoa contaminada.


Sintomas

Inicialmente, surge lesão genital transitória, única e indolor tipo erosão superficial, pápula (elevação eruptiva da pele) ou vesícula, que cicatriza espontânea e rapidamente em três a quatro dias.

Após duas à quatro semanas, surge o bubão, uma inchação dolorosa dos gânglios (ínguas) de uma das virilhas, que evolui para o rompimento e formação de várias fístulas que drenam secreção purulenta.

Neste período, ocorrem erupções cutâneas, náuseas e vômitos, dores articulares, dor de cabeça e febre.


Conseqüências

Os casos não tratados podem evoluir para complicações como elefantíase do pênis e escroto ou estreitamento do reto.


Diagnóstico e tratamento

O diagnóstico é confirmado através de exame clínico, pela identificação da bactéria em testes de laboratório, por exames de sangue e provas de reação cutânea.

O tratamento é realizado com antibióticos específicos; podendo ser necessária a aspiração do bubão ou retirada das fístulas (úlcera em forma de canal).


Prevenção

A prevenção é obtida pelo uso do preservativo (camisinha). Tomar banho ou pelo menos lavar os genitais com água e sabão e urinar imediatamente após o ato sexual, são sempre medidas adicionais de proteção.


Publicado em: 26/11/2000. Última revisão: 16/08/2018
 COLABORADORES 
Dr. Cálide Soares Gomes Dr. Cálide Soares Gomes - Urologista formado em Medicina pela UFMA, 1982, com residência médica em Urologia, HMSA, Rio de Janeiro-RJ. Titular da Sociedade Brasileira de Urologia. Efetivo da Confederacion Americana de Urologia. Efetivo do Colégio Brasileiro de Cirurgiões. Professor da Disciplina de Urologia da UFMA. CRM:3011
todos artigos publicados