Saude na Internet    Desde 1998

início > Saúde da família > Tratamento da Hipertensão Arterial

Tratamento da Hipertensão Arterial


Os objetivos do tratamento da hipertensão arterial consiste em prevenir as seqüelas de longa evolução da doença.

A menos que haja uma necessidade evidente para uso de terapêutica farmacológica imediata, a maioria dos pacientes deve ter a oportunidade de reduzir sua pressão arterial através de tratamento não farmacológico, por meio de medidas gerais de reeducação:

- A redução do peso deve ser fortemente encorajada em pacientes obesos. Uma queda da pressão arterial pode ocorrer mesmo antes do peso ideal ser atingido.

- A ingesta de gorduras saturadas deve ser reduzida (gordura animal) . As taxas de colesterol e triglicerídeos devem ser objeto de orientação nutricional especializada.

- O consumo de álcool deve ser moderado e o fumo abolido.

- Recomenda-se restrição moderada de sal (sódio)

- A atividade física deve ser estimulada de maneira regular (30 - 60 minutos, 3 a 4 x/semana), dinâmicas (caminhadas, natação, ciclismo, corridas leves) e alguns esportes, de acordo com a capacidade física e condições individuais. Exercícios de maior intensidade, principalmente acima de 35 anos, devem ser precedidos de avaliação cardio vascular e iniciados de forma gradual.

A introdução terapêutica farmacológica torna-se necessária quando a restrição de sódio, o controle da obesidade e a modificação de fatores ligados ao estilo de vida não reduzem suficientemente a pressão arterial.
PUBLICIDADE


PUBLICIDADE

Publicado em: 01/03/2000. Última revisão: 11/10/2017
 COLABORADORES 
Dra. Marta Maria Spohr Diefenthaeler Marta Maria Spohr Diefenthaeler é formada pela Faculdade Católica de Medicina do Rio Grande de Sul - Porto Alegre. Curso de Pós-graduação em Geriatria pela Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul - Porto Alegre. Cremers: 3918
todos artigos publicados