Saude na Internet    Desde 1998

início > Saúde do jovem > Infecções de Pele

Infecções de Pele


As infecções de pele, apesar de grande parte das vezes não serem graves, trazem alguns transtornos para o paciente.

É comum que exista confusão entre os vários tipos, formas de manifestação e principais tratamentos.


FURÚNCULO:

O furúnculo é uma infecção causada por bactéria, que causa a necrose (destruição) do folículo pilossebáceo (cavidade onde nasce o pêlo).

A lesão inicia-se por um nódulo muito doloroso, vermelho, inflamatório, endurecido, quente e centrado por um pêlo, onde pode aparecer pequeno ponto de pus.

Com a evolução do quadro, ocorre o rompimento do nódulo, geralmente cicatrizando e deixando uma marca escura no local.

As lesões são mais frequentes em áreas de dobras da pele, sendo muito comuns nas nádegas e virilhas.

Os furúnculos podem sair em qualquer parte do corpo que tenha folículos de pêlo e são mais frequentes nos homens que nas mulheres.

Podem ser resultado do uso de algum unguento gorduroso na pele, o qual fecha o folículo, ou podem ser causados também pelo uso de roupa justa, que fica em atrito com o folículo de pêlo.

O tamanho do furúnculo depende da profundidade da infecção, ou da profundidade do folículo de pêlo infectado. Quanto mais profunda é a infecção, maior será o furúnculo.


TRATAMENTO DO FURÚNCULO:

O tratamento é feito com antibióticos.

Nos casos muito dolorosos e com superfície amolecida, pode ser feita a drenagem da lesão, com alívio imediato da dor.

Além disso, há algumas providências que o paciente deve tomar, como aplicar compressas mornas no local algumas vezes ao dia.

Esse remédio caseiro vai fazer com que o furúnculo se abra ou que se absorva internamente.

O calor aumenta o fluxo do sangue na área, o que vai ajudar o corpo a lidar com as toxinas e limpar a infecção.

Além disso, o furúnculo não deve ser arrebentado, mas apertado com suavidade quando se rompe, para que o restante de pus seja eliminado.

Depois que ele se rompe, geralmente seca e desaparece em alguns dias.

O furúnculo também deve ser coberto para proteger a abertura contra uma nova infecção e para evitar que o líquido da drenagem suje a roupa.


FURUNCULOSE:

Quando os furúnculos ocorrem repetidamente, a doença recebe o nome de furunculose e está associada a uma deficiência do organismo em evitar a infecção do folículo.


ANTRAZ:

Quando várias lesões surgem simultaneamente, próximas e interligadas, e há a formação de focos múltiplos de necrose, principalmente na região da nuca, o quadro recebe o nome de antraz.

A doença é uma inflamação aguda da pele e do tecido celular subcutâneo e é mais frequente em pessoas de idade avançada.

Pacientes com diabetes estão mais propensas desenvolverem a doença. O tratamento é feito através de incisão, drenagem e antibióticos.


FOLICULITE:

A foliculite é outra infecção bastante semelhante ao furúnculo e ao antraz.

Ela é causada por bactérias ou vírus, e a invasão pode ocorrer espontaneamente ou favorecida pelo excesso de umidade ou suor, raspagem dos pêlos ou depilação.

Atinge crianças e adultos, podendo surgir em qualquer local onde existam pêlos, sendo frequente na área da barba no caso dos homens e na virilha no caso das mulheres.

Quando superficial, a foliculite caracteriza-se pela formação de uma discreta vermelhidão, centrada por pêlo, e geralmente com pequenas pústulas ("bolhinhas de pus").

Quando as lesões são mais profundas, formam-se lesões elevadas, podendo haver dor e coceira no local afetado.

O tratamento também é feito com antibióticos e cuidados antissépticos. Algumas lesões ainda podem necessitar de drenagem cirúrgica.
PUBLICIDADE


PUBLICIDADE

Publicado em: 27/12/2004. Última revisão: 09/03/2018
 COLABORADORES 
Dr. Lincoln Fabrício Dr. Lincoln Fabrício - Formado pela Faculdade Evangélica de Medicina do Paraná em 1994. Membro Efetivo da Sociedade Brasileira de Dermatologia. Membro da Sociedade Brasileira de Cirurgia Dermatológica. Dermatologista pela Université d'Auvergne - França
todos artigos publicados