inicio do site saude da gestante saude da familia saude do jovem saude da mulher saude do homem saudavel depois dos 60 anos Saude na Internet!

início > Saúde da família > Dentes tortos

Dentes tortos

Publicado em: 12/11/2007. Última revisão: 21/10/2014
Marcelo Silva Monnazzi Marcelo Silva Monnazzi é Cirurgião Dentista graduado pela Universidade Sagrado Coração - Bauru - SP. Residente na área de cirurgia buco-maxilo facial pela Unesp Araraquara. CRO 60976.
todos artigos publicados

Dentes tortos têm origem genética? O que pode causar dentes tortos nas crianças?

O posicionamento anormal dos dentes, sejam tortos, deitados, virados, etc., depende de vários fatores. Várias posições anormais são até certo ponto normais dependendo da idade em que a criança se encontra.

Por exemplo é comum vermos crianças que têm os incisivos centrais espaçados (“como o Ronaldinho”) e tortos na época de erupção (nascimento do dente) dos caninos, fato este que é considerado normal nesta idade.

Quando os dentes estão realmente “tortos” esta criança provavelmente vai precisar de tratamento ortodôntico.

Podemos dizer que a má posição dentária é resultado de alguns fatores, tais quais:

Herança genética que determina o tamanho dos dentes e dos ossos maxilares, e que podem não ser compatíveis. Por exemplo a criança pode herdar o tamanho dos dentes do pai (grandes) e o tamanho dos maxilares da mãe (pequeno). Sendo assim, esta criança teria pouco espaço nos ossos para os seus dentes (que são muito grandes) e os mesmos nasceriam “tortos”.

Distúrbios de formação das estruturas faciais. Que também pode ser genético, hereditário ou adquirido durante a gestação. Estes distúrbios levariam a uma desarmonia das estruturas faciais e bucais e causariam a má posição dentária.

O uso de chupetas por muito tempo pode levar os dentes da criança para uma posição errada.

A presença de hábitos bucais, por exemplo chupar o dedo, empurrar a língua entre os dentes, e outras “manias” que as crianças têm, que podem entortar os dentes, devido a sua freqüência.

A respiração é outro fator muito importante. Se a criança respira pela boca, principalmente durante a fase de crescimento, as bases ósseas maxila (superior) e mandíbula (inferior) não irão se desenvolver de maneira correta, o que acarretará uma alteração dental.

Como podemos ver, existem inúmeras causas para os dentes tortos. No entanto, o mais importante é saber qual a causa para cada caso em particular e proceder com o tratamento adequado para cada caso.  


Assinar feeds RSSSaiba mais sobre feeds RSS
Adicionar o site aos Favoritos
Recomendar o site a um(a) amigo(a)
Adicionar ao del.icio.us

Nós aderimos aos princípios da charte HONcode da Fondation HON Nós aderimos aos princípios da carta HONcode.
Verifique aqui.

Os leitores que chegaram a este artigo, buscaram as seguintes tags:

dentes,  saude bucal,  boca,  halitose,  mau halito,  odontologico,  cirurgia,  extracao,  dental,  dentes de leite,  dente de leite,  dentes tortos,  dente torto,  sorriso, 






início | gestante | família | jovem | mulher | homem | + de 60

busca no site | dicas de saúde no seu e-mail | fale conosco
política de privacidade | política comercial | aviso legal | RSS | mapa do site
sobre a Saúde na Internet | nossos colaboradores | seja um colaborador | anunciar


Desenvolvido por: InterNET X webhosting