Saude na Internet    Desde 1998

início > Saúde da mulher > Construindo e respeitando os próprios limites com os Florais do Deserto

Construindo e respeitando os próprios limites com os Florais do Deserto


Uma das mais importantes habilidades de que precisamos para nos relacionar com as pessoas é a capacidade de criar e respeitar limites sadios entre nós mesmos e os outros.

Estes limites são linhas invisíveis que marcamos em torno de nós mesmos e informam aos outros sobre como desejamos ser tratados.

Nossas relações estão cheias de mensagens faladas e implícitas. Se não estamos satisfeitos em nossas relações, devemos assumir a responsabilidade de dizer aos outros sobre nossa insatisfação.

Construir e respeitar limites pode ser um processo de aprendizado sobre as frases adequadas para exprimir nossas necessidades, e assumir os riscos de nos comunicar com os outros. Entretanto esta viagem começa dentro de nós mesmos ao reconhecermos que a maneira como somos tratados é um reflexo de como estamos nos tratando.

Às vezes você diz a si mesmo que é um estúpido quando comete um erro? Você se despreza pelo modo como desenvolveu uma tarefa? Você não está satisfeito consigo mesmo em algum aspecto?

Criar e respeitar nossos limites é um processo de evolução da consciência. Assim, quando aprendemos a amar e a tratarmos com respeito encontramos a coragem e as ferramentas necessárias para mudarmos nossas relações com os outros.

Esta é a fórmula para ajudar nossa percepção a construir e respeitar limites sadios com o objetivo de:

* Interagirmos com os outros sem nos enredarmos em suas percepções sobre quem somos,
* Dar aos outros a informação necessária para que nos respeitem.
* Remover as paredes que nos isolam do convívio sadio com outras pessoas.

A Técnica de construção e respeito aos limites:

A técnica de construção e respeito aos limites pode ser praticada por si só ou em combinação com as seguintes essências florais do deserto citadas abaixo:

BRIGHT STAR
É indicada quando não se tem a capacidade de dizer não a uma situação ou pessoa. Nos ajuda a confiar que merecemos o que desejamos.

CANYON GRAPEVINE
Para questões como autonomia, esta essência traz a percepção de outras energias como interdependentes, mas sem competição. Nos ajuda a encontrar o equilíbrio entre dependência e domínio.

DESERT CHRISTMAS CACTUS
Este cactos nos ajuda em nossa capacidade de comunicar nossos limites com humor e calma, especialmente se caímos nas expectativas e desejos dos outros. É um maravilhoso apoio quando nos sentimos obrigados a fazer alguma coisa mesmo estando ressentido.

FISH BLOOK CACTUS
Comunicação é algo básica na construção de limites. Esta é a essência a ser utilizada quando temos medo de dizer alguma coisa pelo temor de que aquilo comprometa o relacionamento. Esta essência nos ajuda a assumir os riscos e nos comunicarmos. Freqüentemente nos surpreendemos ao notar que a resposta que nos chega não é a que esperávamos.

MIlKY NIPPLE CACTUS
A essência dos florais do Milk Nipple Cactus converte a dependência em autonomia. Nos ajuda a assumir a responsabilidade pelas nossas necessidades ao invés de esperarmos pelo apoio dos outros.

WHITE DESERT PRIMEROSE
White Desert Primerose é para aquelas pessoas que estão influenciados pelo que os outros pensam que é o correto para elas. Esta essência nos ajuda a discernir nosso padrão único de espírito e a acreditar em nós mesmos.
PUBLICIDADE


PUBLICIDADE

Publicado em: 01/09/2000. Última revisão: 28/11/2018
 COLABORADORES 

Dra. Cynthia Athina Kemp Scherer é especialista em terapia floral sendo pesquisadora e fundadora das Essências Florais do Deserto e autora de livros sobre o tema
todos artigos publicados

 PARA SABER MAIS 
Alquimia do Deserto; Cynthia Athina Kemp Scherer<br /><br />
Editora Gente
www.desert-alchemy.com